Futebol

Lista com os melhores técnicos do mundo tem Abel Ferreira e Tite; veja o ranking

Postado por Redação em: 18 de outubro

A revista inglesa ‘Four Four Two’ divulgou nesta terça-feira (18) sua lista dos 50 melhores técnicos do mundo em 2022. O futebol brasileiro foi representado pelos trabalhos de Abel Ferreira, com o Palmeiras e Tite, pela Seleção Brasileira. Pep Guardiola lidera o ranking mais uma vez.

Atrás do treinador do Manchester City, Carlo Ancelotti, em segundo, e Jürgen Klopp, em terceiro, fecham o Top-3 da lista. As dez primeiras colocações são dominadas pelos treinadores da Premier League. Entre eles, estão Antonio Conte, Mikel Arteta e Graham Potter.
De acordo com a revista, a pesquisa foi feita baseada na habilidade do treinador e, também, no quanto a equipe desempenhou e conquistou nos últimos 12 meses.
Nos trechos sobre Abel Ferreira, que ficou em 26º lugar, a revista conta sobre seu grande trabalho no Palmeiras, com a conquista de duas Libertadores seguidas, e também cita as comparações com José Mourinho. Enquanto na vez de Tite, em 32º, destacam o desempenho com a Seleção Brasileira, uma das favoritas para a Copa do Mundo.

Continua após a publicidade



Ranking com os melhores técnico do mundo

1º – Pep Guardiola (Manchester City)
2º – Carlo Ancelotti (Real Madrid)
3º – Jürgen Klopp (Liverpool)
4º – Antonio Conte (Tottenham)
5º – Stefano Pioli (Milan)
6º – Mikel Arteta (Arsenal)
7º – Thomas Tuchel (sem clube)
8º – Graham Potter (Chelsea)
9º – Julian Nagelsmann (Bayern de Munique)
10º – Diego Simeone (Atlético de Madrid)
11º – Hans-Dieter Flick (Alemanha)
12º – Christophe Galtier (Paris Saint-Germain)
13º – Eddie Howe (Newcastle)
14º – Xavi (Barcelona)
15º – Erik ten Hag (Manchester United)
16º – Lionel Scaloni (Argentina)
17º – Christian Streich (Freiburg)
18º – Roberto Mancini (Itália)
19º – Urs Fischer (Union Berlin)
20º – Unai Emery (Villarreal)
21º – Oliver Glasner (Eintracht Frankfurt)
22º – Mauricio Pochettino (sem clube)
23º – Gian Piero Gasperini (Atalanta)
24º – Arne Slot (Feyenoord)
25º – David Moyes (West Ham)
26º – Abel Ferreira (Palmeiras)
27º – Luciano Spalletti (Napoli)
28º – Julen Lopetegui (sem clube)
29º – Kasper Hjulmand (Dinamarca)
30º – Ange Postecoglou (Celtic)
31º – Marcelo Gallardo (River Plate)
32º – Tite (Brasil)
33º – Patrick Vieira (Crystal Palace)
34º – Luis Enrique (Espanha)
35º – José Mourinho (Roma)
36º – Ivan Juric (Torino)
37º – Thomas Frank (Brentford)
38º – Regis Le Bris (Lorient)
39º – Marco Silva (Fulham)
40º – Simone Inzaghi (Internazionale)
41º – Roberto De Zerbi (Brighton)
42º – Igor Tudor (Olympique de Marselha)
43º – Lucien Favre (Nice)
44º – Giovanni van Bronckhorst (Rangers)
45º – Paulo Fonseca (Lille)
46º – Vincenzo Italiano (Fiorentina)
47º – Jesse Marsch (Leeds)
48º – Marco Rose (RB Leipzig)
49º – Maurizio Sarri (Lazio)
50º – Gareth Southgate (Inglaterra)

(Fonte: Lance!)