Pensando na Libertadores de 2022, Corinthians foca em renovações

08 de dezembro
Buscando formar uma equipe mais competitiva para a disputa da Copa Libertadores em 2022, o Corinthians inicia seu planejamento nas renovações de contrato de seu time base. Depois de encaminhar os acertos com Cássio e Fagner por mais duas temporadas, a diretoria se prepara para negociar com o zagueiro Gil a extensão de seu vínculo.

Peça-chave no sistema defensivo do Corinthians, Gil tem contrato válido até o fim de dezembro de 2022. Nos próximos dias, o jogador e seu empresário serão convidados a iniciarem as conversas pela renovação. A cúpula alvinegra. No entanto, a diretoria ainda estuda se fará uma oferta de mais uma ou mais duas temporadas de contrato para o zagueiro, hoje com 34 anos.


A tendência é de que não haja problemas com Gil para a assinatura de um novo contrato. Isso porque o atleta será procurado para renovação muito antes do necessário e ganhará um aumento salarial. O fato de o zagueiro ser agenciado pelo escritório de Carlos Leite (o mesmo agente de Fagner e Cássio) também ajuda na negociação.

Se confirmar as renovações com o trio de defensores, o Corinthians garante a estabilidade contratual de todo o seu time base para o ano que vem, já que nomes como Giuliano, Willian, Cantillo, João Victor e Renato Augusto possuem contratos até o fim de 2023; Gabriel Pereira e muito possivelmente Cássio, Fagner e Gil terão vínculos até 2024; e Roger Guedes tem acordo com o Alvinegro até agosto de 2025.

Terminadas as negociações de renovação, a diretoria irá em busca da contratação de um centroavante para disputar posição com Jô no ano que vem, e acertará o retorno de Paulinho por duas temporadas. Outros reforços para posições carentes do elenco serão estudados em conjunto com a comissão técnica de Syvlinho.