Torneio de tênis Indian Wells é adiado devido a segunda onda da covid-19

Um dos mais prestigiados torneios de tênis do mundo, o Masters 1000 de Indian Wells, que deveria acontecer no estado norte-americano da Califórnia em março, foi adiado devido ao temor de uma nova onda do coronavírus (covid-19).

Este será o segundo ano consecutivo em que a competição em quadra dura da ATP (Associação de Tenistas Profissionais) e da WTA (Associação de Tênis Feminino), que muitas vezes é chamado de “o quinto grande” por causa dos quatro torneios de Grand Slam, será afetada pelo vírus – a edição de 2020 foi cancelada.


“O torneio está trabalhando proativamente com a ATP e a WTA, assim como com o patrocinador do título para confirmar datas posteriores no ano para realizar o evento”, disseram os organizadores do torneio. “Os detalhes serão divulgados no futuro próximo à medida que os planos forem finalizados.”

O evento, que foi agendado para o período de 8 a 21 de março de 2021, atrai os maiores atletas do esporte para suas chaves femininas e masculinas, e em 2019 recebeu um público recorde de 475 mil torcedores ao longo de suas duas semanas.

A edição de 2020 foi o primeiro grande evento esportivo profissional dos Estados Unidos a ser cancelado em consequência da pandemia do novo coronavírus na véspera de seu início programado.

A associação masculina ATP também anunciou o adiamento de Indian Wells para 2022, mas disse que todas as seções subsequentes do calendário de 2021 estão mantidas por ora, incluindo a temporada de saibro da primavera no Hemisfério Norte.
Fonte: EBC Esportes