Pelé volta a reivindicar título de maior artilheiro da história do futebol

Maior nome do futebol mundial, Pelé reacende a polêmica sobre o título de maior artilheiro da história do futebol. Pelé “reivindicou” o posto de jogador com mais gols em todos os tempos depois de ter sido “superado” por Cristiano Ronaldo. O Rei do Futebol atualizou a descrição de sua biografia no Instagram nesta segunda-feira e citou os mais de mil gols anotados na carreira.


No último domingo, diversos sites e perfis de redes sociais publicaram que Cristiano Ronaldo havia se tornado o maior artilheiro do futebol em jogos oficiais ao marcar duas vezes na vitória da Juventus contra a Udinese. Acontece que há divergência em relação à quantidade de gols anotados por Pelé durante a carreira. O ídolo santista balançou as redes mais de mil vezes, mas possui “apenas” 767 em jogos oficiais, de acordo com o RSSSF (organização que registra dados estatísticos do esporte) entre eles, 643 gols pelo Santos, 37 pelo Cosmos-EUA, 77 pela seleção brasileira e nove pela seleção paulista e um pela seleção militar. Uma nova revisão, porém, reduziu novamente o número e colocou CR7 acima na lista — e Pelé ficando com 757.

O principal motivo para a polêmica é que alguns sites de estatísticas não consideram os gols marcados por Pelé em partidas amistosas. Gols marcados pelo camisa 10 em jogos pela seleção paulista e seleção militar também foram desconsiderados.

Recentemente, o Santos já havia saído em defesa de Pelé após estatísticos considerarem que Messi havia superado o brasileiro em gols pelo mesmo clube. A grande polêmica de século continua…
Fonte: Uol Esportes